Nunca houve um momento melhor para aproveitar todos os benefícios da jardinagem interna e externa.
As horas, os dias e as semanas parecem se misturar quando você se distancia física e socialmente. Com horas amplas e energia reprimida, muitos procuram projetos em casa. Se a adoção de um animal de estimação não for uma opção ou um interesse para você, escolha uma área verde e tente sua sorte na jardinagem interna ou externa. Os especialistas concordam que agora, mais do que nunca, "plantar bebês" pode ser uma adição positiva, edificante e saudável à sua rotina de distanciamento social. Aqui, mostramos benefícios surpreendentes que investir em seu “polegar verde” pode trazer e também damos algumas dicas para o sucesso e produtos recomendados para iniciantes. Pronto...vamos plantar, plantar - e crescer!

 

1.    Como a jardinagem pode ajudar


Plantas de vários tamanhos, formas e tonalidades fazem mais do que servir como pano de fundo para suas fotos do Instagram, mas também proporcionam vantagens mentais e físicas para seus proprietários. Ao nutrir suas ervas, vegetais e folhas verdes, você poderá perceber uma infinidade de benefícios.

 

 

2.    Seu espírito será elevado


Muitas pessoas estão sofrendo um aumento na ansiedade no momento - por razões óbvias - e o foco em uma tarefa pode ajudar a aliviar parte da pressão. Criar um jardim ao ar livre pode ajudar a transferir esses sentimentos nervosos para projetos produtivos, renovando seu espírito. Estar ao ar livre, construir e cuidar de um jardim é um ótimo projeto que talvez você nunca tenha tido tempo antes, mas tem agora.

 

 

 

 

3.    Você terá algo para nutrir
 

Quando praticamos o distanciamento físico e social de nossos amigos e familiares, não podemos nos banhar de amor como costumamos fazer. Isso pode fazer com que muitas pessoas sintam que perderam o senso de propósito. No entanto, quando adotamos plantas - ou nos tornamos um 'bioparental' - plantamos sementes e enchemos nosso tempo de significado, pois esses botões precisam de nós. Eles confiam em nós para as condições de cultivo certas para sobreviver. Agora é o melhor momento para adotar plantas e tornar-se mãe de plantas, porque você terá tempo para aprender, experimentar e dar-lhes os cuidados. Elas merecem.

 

 

4.    Considere o espaço e o estoque que você possui
 

Faça um balanço de seus espaços e procure áreas onde uma beleza verde faz sentido. Um parapeito da janela, cantinho esquecido, uma estante de livros, alguns metros de terra - comece pequeno e com o que você tem. Embora possa ser difícil obter tudo o que você precisa agora para começar um jardim, existem alguns truques criativos para tentar que não exigem longo tempo de dedicação. Como exemplo, garrafas plásticas podem ser cortadas ao meio e usadas como plantadeiras temporárias com alguns furos feitos no fundo para drenagem.

 

 

5.    Esteja atento à luz
 

Quando você estiver pronto para comprar a sua planta, verifique a quantidade de luz do sol necessária para cada espécie. Isso indica o quão direto ou indireto o sol deve estar brilhando sobre o bebê planta. Verifique as necessidades específicas de sua planta para saber o melhor local para colocar sua nova planta – se é dentro ou fora de casa. Se você está cultivando em ambientes fechados, as plantas não precisam necessariamente estar ao lado de uma janela, mas certifique-se de obter exposição solar suficiente durante o dia para atender às suas necessidades específicas.

 

 

6.    Afaste-se do regador


Um dos erros mais comuns que os pais novatos cometem é dar amor demais às plantas. Na verdade, em caso de dúvida, é melhor dar espaço aos seus bebês do que exagerar na água e fertilizantes. Ser um pai que sufoca a planta às vezes pode ser pior do que ser um pai negligente, e a maioria das plantas prefere ter um pouco de sede. Mas, como saber se a planta está precisando de água? Enfie o dedo na terra uns 4cm para baixo para acessar a umidade. A maioria das plantas terá solo seco no topo, mas solo saturado por baixo. Enquanto você sentir umidade na terra, não adicione mais água. Na maioria das vezes, elas vão precisar de água a cada 10.

 

 

 

 

7.    Solo rico
 

O solo não é sujeira. É uma parte viva, respiratória e ativa do processo de crescimento. É por isso que o solo de alta qualidade é absolutamente essencial para obter bons resultados, pois apresenta bilhões de micro-organismos que beneficiam a saúde das plantas. Bom solo é um ecossistema equilibrado que trabalha em conjunto com as raízes da sua planta. Assim como a saúde intestinal afeta a saúde do corpo, a saúde do solo afeta a saúde da planta.

 

 

8.    Experimente estas plantas


Essas plantas e produtos são ótimos para pais de plantas iniciantes - ou para quem deseja expandir suas habilidades de jardinagem. Você pode comprar de varejistas on-line ou considere entrar em contato com um berçário local que possa oferecer entregas durante a pandemia. Aqui estão algumas opções para ajudar você a começar e parecer um profissional:

 

  • Espada de São Jorge

 

Além do seu uso ornamental, as espadas-de-são-jorge são também conhecidas como plantas de proteção contra o mau-olhado, devendo ser colocadas próximo à entrada das casas.
Além de ser muito legal, é uma planta de baixa manutenção, conhecida por sobreviver às secas, tornando-a perfeita para iniciantes que vivem em praticamente qualquer ambiente. Apesar da espada de são Jorge preferir luz do sol, ela também sobrevive bem à pouca luz. 
Também foi demonstrado que as espadas de são jorge filtram produtos químicos desagradáveis, como benzeno, formaldeído, tricloroetileno, xileno e tolueno, e produz oxigênio durante a noite. Tudo isso para que você possa respirar com facilidade em sua casa.

 

 

 

 

  • Jiboia

 

Às vezes chamado de 'planta do cubículo', a jiboia é uma ótima opção se você é um 'polegar preto' auto-proclamado - (só para você saber, um ‘polegar preto' é o oposto total de um 'polegar verde'). E enquanto essa planta começa pequena, suas videiras podem crescer até mais de 10 pés de comprimento (UOU), mesmo em ambientes fechados, onde pouca luz e ar seco tornam as condições abaixo do ideal.
Como um bônus, esta planta é super fácil de cultivar e se propaga (tradução: gera mais jiboia) na água. Embora você precise aprender a propagar uma jiboia, basicamente você pode obter quantas plantas quiser pelo preço de uma. E, como espada de são jorge, a jiboia filtra benzeno, formaldeído, xileno e tolueno.

 

 

 

 

  • Dracena

 

Se você vive uma vida muito corrida, sempre em movimento e fora o tempo todo, você precisa de uma planta fácil de cuidar e de baixa manutenção, como a Dracena. A Dracena é ótima porque pode facilmente adaptar-se a diferentes ambientes de luz, embora seja melhor mantê-lo longe do sol direto.
A melhor desse grupo é Dracena Lisa que sabe lidar com a temperatura interna e as mudanças de estação melhor do que outras. No entanto, quando se trata de purificar o ar, a planta Dracena Marginata é a melhor aposta. Remove benzeno, formaldeído, tricloroetileno e xileno do ar.

 

 

 

  • Zamioculcas ou ZZ

 

Se você mora em um ambiente com pouca luz, a sugestão é a instalação de uma planta ZZ (ou Zamioculcas), porque é tolerante à seca e tem uma manutenção incrivelmente baixa. Você pode notar que a ZZ possui grandes rizomas (caules subterrâneos) em forma de batata - também conhecidos como caules horizontais que crescem continuamente sob a superfície do solo.
Esses rizomas armazenam água e ajudam a planta a sobreviver à seca em seu ambiente natural. Isso significa que eles também a ajudarão a sobreviver a regas pouco frequentes no seu espaço - pense uma vez por mês se sua planta estiver com luz indireta média.
Muitas culturas acreditam que uma planta ZZ simboliza prosperidade e amizade, o que a torna um grande presente de inauguração.

 

 

 

 

  • Planta Aranha

 

Plantas que emitem "vibrações instantâneas da selva", como a aranha, estão em alta no momento. E elas são super fáceis de cuidar. Essas plantas precisam de luz brilhante, mas sem sol direto, por isso são perfeitas para colocar em uma sala com grandes janelas. Apenas mantenha-a longe do peitoril da janela.
Essa planta é divertida de se ter, porque cresce "aranhas-bebê", que podem ser facilmente propagadas. É também um forte purificador de ar, removendo formaldeído e xileno.

 

 

 

  • Seringueira

 

Se você tem tendência a esquecer suas plantas ou é novo em todo o estilo de vida "mãe de planta", compre uma seringueira. Elas são tolerantes a um certo grau de negligência (ufa) e lidam melhor com a falta de água do que com o excesso.
Parece seu tipo de planta? Ótimo, apenas saiba que uma seringueira precisa de luz brilhante (pode receber luz solar parcial) e de uma boa quantidade de espaço para ser feliz, crescer e remover o dióxido de carbono da sua casa.

 

 

 

 

  • Ninho de pássaro

 

Ter uma samambaia de ninho de pássaro em sua casa é um ponto de partida para conversas instantâneas, graças às suas folhas verdes brilhantes e bordas onduladas. Você conseguirá grandes pontos interessantes com esta planta de aparência exclusiva, especialmente se a colocar em uma plantadeira suspensa.
Como a samambaia de ninho do pássaro vive sob luz indireta média e um ambiente úmido, ficaria ótima em um banheiro com chuveiro, desde que houvesse janelas que recebessem luz natural.
As samambaias filtram formaldeído, xileno e tolueno; portanto, não é uma má ideia colocar uma no banheiro. Afinal, é nesse ambiente que é provável que você use toxinas domésticas, como produtos de limpeza agressivos, spray de cabelo e removedor de esmalte de unhas que geralmente contêm esses produtos químicos.

 

 

 

 

  • Lírio da Paz


Se você já tem experiência em manter viva uma planta de interior (parabéns), talvez seja hora de adicionar um lírio da paz à mistura. Esta planta requer mais atenção em comparação às outras plantas de interior. Isso significa que é necessário mantê-la úmida sem regar demais e colocá-la em um local claro, mas com sombra.
Uma coisa a observar: As flores do lírio da paz têm pólen; portanto, essa planta pode não ser a melhor escolha para pessoas que sofrem de alergias.
Se isso não for um problema para você, é recomendado colocar um lírio da paz no seu quarto, pois produz oxigênio à noite, enquanto a maioria das outras plantas faz isso durante o dia. Além de produzir oxigênio, essa planta também remove amônia, benzeno, formaldeído e tricloroetileno.

 

 

 

 

 

  • Filodendro ou Imbé

 

Nas condições certas, principalmente dentro de um ambiente, a filodendro, ou Imbé, com suas folhas em forma de coração podem crescer mais de três metros de comprimento, pois são videiras de arrasto. Isso a torna uma ótima planta para prateleiras altas ou se você deseja adicionar uma floreira pendurada à decoração da sua casa.
Ela se propaga de forma incrível, mas é fácil de podar, se você preferir uma forma mais compacta. É também uma das plantas mais fáceis de cultivar.
Embora não seja a planta mais purificadora de ar existente no mercado, os filodendros filtram o formaldeído. Não é tão ruim para uma planta de baixa manutenção que é perfeita para iniciantes.

 

 

 

 

  • Aloe Vera

 

Essa planta não é apenas fácil de cuidar. Ela também é conhecida como curandeira. O suco de aloe vera tem propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas. Portanto, você não apenas pode usar esta planta para iluminar sua casa, mas também pode usá-la para curar feridas e diferentes lesões da pele.
Coloque sua planta de aloe vera em um local ensolarado e brilhante e não se preocupe em mantê-la viva. Essa planta gosta de solo muito, muito seco antes de receber a rega. E mesmo que você não use aloe vera por suas propriedades curativas, ainda poderá colher todos os benefícios da purificação do ar, pois remove o formaldeído.

 

 

 

 

Gostou? Então, vamos preencher nossos ambientes com lindas plantas...